Radiologia de Quadril

Radiologia do Quadril adulto jovem

Seguem algumas sugestões de rotina na investigação do quadril adulto jovem. São imagens fundamentais para identificação de patologias como impacto femoroacetabular e displasia de quadril e outras causa de dor do quadril.

Veja o video sobre radiologia do quadril

Fonte:

Clohisy, John C., Carlisle, John C., Beaule, Paul E., Kim, Young-Jo, Trousdale, Robert T., Sierra, Rafael J., Leunig, Michael, Schoenecker, Perry L., Millis, Michael B. A Systematic Approach to the Plain Radiographic Evaluation of the Young Adult Hip. J Bone Joint Surg Am 2008 90: 47-66

1- Rx Bacia (AP panorâmico)

Posição supina com quadris em 15° de rotação interna. Distância ampola-filme de 120cm, perpendicular à mesa, com raio centrado entre borda superior da sínfise púbica e linha entre as duas entre as espinhas ilíacas ântero-superiores.

2. Rx do quadril (falso perfil de Lequesne).

Paciente em ortostatismo com pelve rodada 65o em relação ao tubo com o pé paralelo ao filme.

3. Rx do quadril Dunn 45° graus

Posição supina com quadril fletido 45o e abduzido 20o, rotação neutra do quadril – atenção a tibia deve ser paralela ao eixo do corpo, não unir os pés para fazer o raio. Raio perpendicular à mesa e centrado no ponto médio entre sínfise púbica e espinha ilíaca ântero-superior. Essa incidência pode ser feita uni ou bilateralmente, o que é melhor para comparação.

4. Rx do quadril Dunn 90° graus

Posição supina com quadril fletido 90o e abduzido 20o, rotação neutra do quadril – atenção as tibias devem estar paralela ao eixo do corpo, não unir os pés para fazer o raio. Raio perpendicular à mesa e centrado no ponto médio entre sínfise púbica e espinha ilíaca ântero-superior. Essa incidência pode ser feita uni ou bilateralmente, o que é melhor para comparação. Pode se usar uma pequena escada em baixo dos pés do paciente. *Atenção: em pacientes obesos a abdução pode ser maior que 20o sem prejuízo do raio. Essa incidência normalmente requer maior penetração do raio.

 

4.2 Rx do fêmur incluindo o quadril (Rã).

Posição supina com quadril abduzido 45o e raio perpendicular à mesa centrado no ponto médio entre sínfise púbica e espinha ilíaca ântero-superior.